Este website utiliza cookies de forma a garantir uma melhor navegação no nosso site.
Ao continuar a navegar no site, está a concordar com a utilização de cookies. Para mais informação, clique aqui

Weber - Saint-Gobain

Renovação de Azulejos tradicionais antigos em fachada e paredes interiores

Problema

A utilização de azulejo, na construção em Portugal, quer seja no interior quer seja no exterior, é uma das suas características relevantes. Em concreto nas fachadas, contribui para a impermeabilização e valorização estética do imóvel.

Na edificação, a inclusão dos azulejos tradicionais permitiu um desempenho estético e técnico da fachada, em bom estado, de uma forma duradoura e com baixos custos de manutenção ao longo dedécadas. Os azulejos tradicionais em fachadas são hoje a personalização das cidades portuguesas.

O azulejo tradicional com porosidades elevadas evoluiu para revestimentos cerâmicos com características muito distintas. Passamos a ter baixíssimos níveis de porosidade e desempenhos técnicos bastante diferentes dos existentes.

A evolução dos revestimentos promoveu a existência de cimentos-colas adequados para esses fins. Atualmente a reconversão de um painel de azulejos tradicionais antigos, carece de materiais e técnicas próprias por forma a garantir um adequado assentamento, sem danificar o azulejo.

Solução

Devemos verificar o estado do suporte. Deve examinar-se qual o processo mais adequado para o seu tratamento. Aconselhamos seguir uma das soluções descritas na gama weber.cal deste Guia. O suporte deve estar nivelado, consistente, duro e deve ser humedecido antes do assentamento dos azulejos.

Devido às características dos azulejos tradicionais com elevada porosidade, deve-se mergulhar as peças em água no mínimo duas horas, removendo-os 1 hora antes de serem aplicados. O suporte deve ser humedecido antes do início do assentamento. Após a preparação do weber.col azulejo, com a ajuda de uma colher de pedreiro, colocar a argamassa preparada no suporte e no tardoz do azulejo.

Com as mãos e a ajuda de um pequeno martelo de borracha, carregar ou bater no azulejo para que fique nivelado com os restantes. Devemos garantir no mínimo 1 cm de argamassa entre o reboco antigo e o tardoz do azulejo. O weber.col azulejo é uma argamassa preparada para azulejos tradicionais porosos. Não danifica o vidrado do azulejo e permite a reversibilidade do assentamento, de forma a não danifica-lo.

O preenchimento das juntas pode ser feito com o produto weber.color premium, ou em alternativa e de uma forma mais tradicional, com pó de areia e cal. Esta solução de assentamento tradicional à base de cal, carece de maior tempo de secagem, e por tal, recomendamos a proteção física dos azulejos aplicados durante o primeiro mês após a aplicação.

Solução com os seguintes produtos Weber

Solução 1

weber.col azulejo

Argamassa de recolocarão de azulejos tradicionais e assentamento de azulejos tradicionais novos

Solução 2

weber.color flex

Argamassa colorida de acabamento areado para juntas em interior e exterior

weber.color epoxy

Argamassa para juntas em ambientes quimicamente exigentes

weber.color art

Argamassa colorida de acabamento liso para juntas em interior

weber.color premium

Argamassa colorida de acabamento liso para juntas anti-fungos

weber.color slim

Argamassa colorida de acabamento liso para renovação de juntas